fbpx
(11) 5083-6934 # 5083-5995 contato@teresaembirucu.com.br

O HPV está associado a 80% dos casos de câncer do colo do útero, e mais da metade de casos de câncer no pênis, ânus e vagina. A vacina contra o HPV era aplicada apenas em crianças e adolescentes entre 9 a 14 anos, e em pessoas de 9 a 45 anos em condições de saúde específicas, como quem vive com HIV.⠀

Vítimas de violência sexual passaram a ser grupo prioritário para a vacina contra o hpv, com o objetivo de garantir a proteção para pessoas entre 9 a 45 anos que ainda não foram vacinados, ou que não completaram o esquema vacinal.⠀

A decisão de ampliar o público da vacinação é uma recomendação da OMS e da Associação Pan-Americana de Infectologia.⠀

Um boletim epidemiológico divulgado este ano, mostrou que entre 2015 e 2021, 202.948 casos de violência sexual foram notificados. No estado de São Paulo, 30% das vítimas desenvolveram lesões por HPV.⠀

A vacinação será incluída de forma imediata ao protocolo de atendimento do SUS.⠀

O atendimento integral, imediato e multidisciplinar a pessoas que sofreram violência sexual é obrigatório e assegurado por lei em todos os hospitais que integram o SUS.⠀

-⠀

Esse material é informativo e não deve ser utilizado para autodiagnóstico ou autotratamento.⠀

Dra. Teresa Embiruçu | CRM: 132211 | RQE: 37735.